4.2.05

O Carnaval lá de fora

Ouvem-se já os acordes do carnaval do Roma, um dos famosos festejos de momo aqui de Florianópolis, muito tragicamente situado a uma quadra e meia do meu prédio. Digo tragicamente porque eu não gosto de carnaval, queria estar em Porto Alegre, deserta e sem filas para o cinema, sem atrolhos nos cafés do Moinhos e tudo mais.

Não joguem pedras, por favor, nem sempre fui assim. Em 1979 eu até que aproveitava os bailes de carnaval da SAC (Sociedade Amigos do Cassino), lá na never never never land:




Acho que mais tarde terei de dar um pulinho ali embaixo, já que dormir será impossível mesmo.

P.S Este cara escreve muito bem. Está linkado!

5 comentários:

  1. Se fosse o caso de estar solteiro, que não é, eu queria estar lá em baixo no carnaval do Roma. Então, fico por aqui mesmo... vendo uns filminhos. Hoje até fomos no Moinhos, que estava vazio, mas o centro, fofinho, cheio é pouco.

    Saudades da SAC (Sociedade Amigos do Colchão). Então Boa Noite!

    ResponderExcluir
  2. Tava com cera na oreia, fiote?

    ResponderExcluir
  3. Ay Meu Deus,

    São as Rejanes e as Robertas? As outra não sei quem são.

    E a tua fantasia é de menino comportado? ehheheh!

    Saudades da Festa do Sorvete, que sempre embalou o finalzinho de janeiro.

    ResponderExcluir
  4. Sim, sim! Imediatamente ao meu lado, Rejane, depois Roberta. As caras de felicidade não mudaram nada, ne?

    ResponderExcluir
  5. Mira! En lo prueximo año, nossotras prometiemos que organissaremos la errcursión a la �ndia en la misma data que lo carnabal brasileño para que sêrra un retiro espirituale hindu!
    Mui merror que picar en cassa assistiendo las mierdas que pasán en la television!
    Manteneremos usted abissado! :)
    Bessos!

    ResponderExcluir