25.6.05

GOD SAVE THE QUEEN

Ontem caiu um toró no final de tarde e eu, perdido que estava, cheguei a Picadilly Circus e perguntei para um moço "How can I get to Charring Cross Station, please?" ele, muito distraido com a sua barraquinha de suco fala sem sequer me olhar: "Segue reto!". Foi só depois de eu agradecer dizendo "Valeu, amigo!" que me dei conta que eu perguntei em inglês e o cara respondeu em português. Isto é para ilustrar, caros amigos, que aqui só se fala português, por todo lado. Se você andar por Oxford Street, Leicester Square ou Trafalgar Square raramente vai ouvir outro idioma, desde os vendedores até secretárias e transeuntes especulam preços, contam quanto estão ganhando e se gabam de ter comido a coreana garçonete do pub no soho, tudo isso na maior tranquilidade achando que não tem mais nenhum compatriota por perto. Ledo engano.

Trafalgar Square, à esquerda está a National Gallery, com suas Fridas, Van Goghs e Toulouse Lautrecs.

6 comentários:

  1. Qdo isso acontecia, eu cruzava a rua! rss. socorro!

    ResponderExcluir
  2. :) a gente fica tirando sarro dizendo que é um saco sair do brasil e só encontrar brasileiros, mas vai dizer que não é um conforto encontrar alguém que também goste de trocar um abraço?
    beijo e saudade, viu!

    ResponderExcluir
  3. Estás muito chique!
    A Lauryn Hill estava no salão??, ou a Cabelereira estava cantando com o som da rádio???

    Tá, bobagem, segue e eu tenho notícias.

    Vou casar no Canadá.

    Entrarei no difícil dilema dos sobrenomes.

    Meus sais...

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Anônimo3:33 PM

    Oi,amiguinho.

    Adorei tudo, vc sabe mesmo compartilhar.
    Obrigada pela foto já está no mural.
    E para vc, os meus dedos estão sempre cruzados.

    Beijos.

    Edna.

    ResponderExcluir
  5. Hey man how's it going there.....

    just wondering how you getting on and handling it with life in the fast lane.

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir