18.11.05

IMPERDIVEL

Em comemoracao ao seu primeiro aniversario, terminou hoje no Blog do Marcelo a novela ultra-cult Amor de Vagoneta, a saga de Alvaro, o "enrustido-heleninha" e sua "namorada-utilitario".

Trechos:

PRIMEIRO ATO:

"Hoje, eu vou contar uma história semi-verdadeira, encenada na vida real por personagens fictícios. A história de hoje é sobre uma criatura mitológica - o RUSTI.
O rusti mora, geralmente, em armários embutidos, closet em inglês. O rusti se alimenta de namoradas trubufu, muitas vezes quando está de dieta arruma uma amiga para se passar por namorada nas festas de fim de ano, e só se acasala quando é extremamente necesário, entretanto, uns até chegam a gerar prole."

ATO 2:


"Entretanto, eram muito diferentes na atitude. Enquanto, Big Nose era cínica e dissimulada, já Piaçava era furiosa e vociferava impropérios para os amigos de Álvaro, tentando livrá-lo da bebida, más companhias e da homossexualidade latente. Na verdade, Piaçava destilava veneno das pontas ressecadas de seu cabelo."

ATO 3:

"Ele já havia ouvido falar do extremo sul do Brasil. Terra de contrastes: churrasco, bom chimarrão, Pelotas - Bagé, cheia de gaudérios brutos e loirinhos apetitosos ? o que fez com ele embarcasse nessa aventura. No entanto, estava resolvido a permanecer enrustido e quem sabe fazer vestibular para Oceanologia."

FINAL:

"Desnorteado e com repulsa ao sexo, Álvaro sai novamente para perambular pelo Cassino (estamos no inverno) e é surpreendido por uma tormenta. Álvaro fica muito debilitado pela gripe e acaba aceitando o convite para morar com Piaçava."

Parabens por este um ano de blog, meu velho!


***

Um comentário:

  1. Hehehehe,
    Thanks a lot, darling!

    São tantas histórias do cassino... quem sabe eu conto outras mais.

    ResponderExcluir