12.1.06

HAPPY ENDINGS

Happy Endings



Finais Felizes. Todo mundo quer um.

Assista, urgentemente, dê um jeito, pirateire, passe no camelô ( ou camelot) mais próximo, baixe da rede, vá ao cinema. Minta, engane, faça maldade, dissimule, bata, esbofeteie, engravide, chantageie, venda o corpo, vire hippie, venda batique, lave roupa pra fora, sirva cafezinho, esfregue chão, lave, passe, cozinhe, toque oboé no metrô, faça grafite no calçadão, rifa na escola, jogue no bingo, no cavalo, no viado, cante em concurso de karaokê, compre a tele-sena, o bolão do Inter, raspadinha, depile, faça unha, pé e mão, seja calista, massagista, chantagista, maniqueísta, maquinista, chauvinista, vanguardista. Maconheiro, mochileiro, pedreiro, padeiro, patrulheiro, bagaceiro, fuzileiro, estanceiro, não importa, você vai gostar.

É o primeiro filme que eu vejo este ano já sabendo de antemão que vai ser bom e terminar bem.


HAPPY

***

4 comentários:

  1. Anônimo5:23 PM

    Adorei este post. A sucessão de sugestões foi deliciosa.
    Ro

    ResponderExcluir
  2. adelaide7:29 PM

    que eu lembre agora, já assiti 3 filmes coma Maggie Gillenhall. Um deles bem mediozinho, O sorriso de Mona Lisa. Um ótimo, Secretária...Se vc tem algum fetiche, assista...se vc não tem ficará doido para ter algum. E um dos melhores filmes de todos os tempos.. Donnie Darko.

    Agora vê-la ruiva já e um pedido de casamento para ssistir este filme. Engraçado (ou não) que aqui na terra brasilis, o poster traz uma Lisa Kudrow morena....

    ResponderExcluir
  3. Adelaide,

    A Maggie é muito boa, especialmente nesta leva insípida de novas atrizes americanas.

    Secretária é maravilhoso, assisti umas 4 vezes. O Donnie Darko eu perdi a conta. Agora, cá entre nós, Drew Barrymore está pééééssima em Donnie darko, né?

    Aqui ele tem dois cartazes: este q eu postei e outro quase identico, com a sensível diferença de ter pernas de homem sob a ínfima toalha. Este mundo É moderno!

    A Lisa Kudrow está muito bem, mas faz um personagem quase identico ao de O Outro Lado do Sexo, do mesmo diretor. Só que este é infinitamente melhor.

    Ah, não comentei, mas tem tb a Laura Dern, de quem sou fã desde Coração Selvagem e Citizen Ruth, que no Brasil tem o nome bizarro de Ruth em Questão, vá entender...

    ;)

    ResponderExcluir
  4. Anônimo10:16 PM

    Bom, graças a sua sugestão ,este foi o primeiro filme que eu assisti este ano, no cinema, e achei um pecado o diretor colocar aquelas tarjas, julgando os personagens, ou falando de detalhes deles, ou seja, mostrando um pré-conceito, antes mesmo deles se apresentarem, enfim, mas no geral eu adorei, as cenas da Maggie cantando são ótimas...

    ResponderExcluir