6.3.06

INTERFERÊNCIA

É triste o que vou lhes contar, mas eu tenho uma facilidade absurda de imitar vozes e trejeitos alheios, principalmente se a criatura for deveras caricata. Não sei se isto se dá por eu ser exageradamente observador do comportamento dos outros ou se por eu simplesmente ser adaptável ao meio como camaleão. A verdade é que eu entro na onda mesmo, começo a falar igual, andar igual, ao ponto de bastar eu fazer um gesto para quem estiver perto dizer:"estás imitando _______, né?" A minha especialidade são maconheiros gaúchos, sexagenárias fumantes e cariocas falando inglês com sotaque do Rio.

**

Proteja-se da febre aviária, leitora amiga. Use luvas se for entrar em contato com seu namorado galinha.

**

Na televisão, no cinema e nas fotos de jornais, revistas e blogs as pessoas são mais bonitas do que na realidade. Não pense que você precisa atingir este ideal, leitor amigo. É tudo ilusão. A luz, o ângulo, a pós-produção é tudo armação do demo para acabar com a nossa auto-estima. Porque quanto mais comunzinhos e meia-boca nos acharmos, mas próximos da perfeição eles chegam. Todos temos pele oleosa ou ressecada, olheiras, gordura (des)localizada, nariz grande, pequeno, torto, com um caroço em cima, com uma verruga na ponta, pêlos demais, de menos, pernas compridas, curtas. No mundo real, os mocinhos e mocinhas são mais gordos do que nas novelas, ou mais feios do que nos filmes. O que vai fazer de você alguém diferente é personalidade e estilo.

Pensei nisso voltando pra casa, no ônibus. Não interessa por quê.


4 comentários:

  1. Olha que eu também faço as vezes de imitador. Maria Bethânia é lugar-comum. Pior é que costumo decorar rapidinho tudo quanto é sorte de bobagem.

    ResponderExcluir
  2. Como é uma imitação de uma sexagenária fumante?

    ResponderExcluir
  3. Eu sou mointo mais bonita pessoalmente. Sorry!

    ResponderExcluir
  4. concordo contigo. é tão deprimente (ser 'pior'rs..) que até o espelho engana pq está enquadrado como a gente quer... (o enquadramento alheio é sempre perturbador..rs..)
    mas olha que o assunto é vasto, imagem é nada, quantas vezes a gente dissocia alguém que não conhece a imagem e só o resto, vice-versa, nã.?
    ou auto-esquizofrenices (a mim, me acometem..rs..)...

    ResponderExcluir