26.4.06

BORRA DE CAFÉ


A transposição da minha visão do mundo (este que vive nos espremendo para ver o que tem dentro) para este blog independe de você estar aí do outro lado.

Mas você estando é melhor.

Independe de você concordar, aprovar, censurar, se identificar.

Eu sinto vocês lendo. Eu sei quando todo mundo se constrange e não comenta. Eu sei quem entra todos os dias e quem vem de vez em quando, quantas vezes vem, por onde vem, de que cidade, através de qual provedor, quantos minutos fica, qual o último post que lê antes de ir embora, sistema operacional e até definição do monitor...

Para mim, não importa que me venham 30, 300 ou 3000 de vocês aqui por dia, desde que vocês não saiam de mãos abanando.

Não tenho blog para virar celebridade, muito menos competir com ninguém. O Cafeína existe como uma extensão de mim, um desdobramento que torna viver mais aparentemente viável nos momentos mais brutos. É meus ouvidos, olhos e sentidos, virados do avesso em palavras, imagens e sons.

E quando o mundo me espremer, quero deixar respingar aqui o que de mais interessante e verdadeiro há em mim.

**Foto: Patrick Demarchelier

18 comentários:

  1. 1. A foto é belíssima; 2. Que bom que estando aqui é melhor; 3. 'Existe como um desdobramento de mim (...) que torna viver mais viável nos momentos mais brutos' é preciso sobre escrever num blog. Mas 'qdo o mundo me espremer quero deixar respingar aqui o que de mais interessante e verdadeiro há em mim' é precioso. 4. Eu venho todos ou quase todos os dias. Mesmo quando vou embora em silêncio, não estou de mãos vazias...Beijos

    ResponderExcluir
  2. Ah, ia esquecer: eu sei que tu sentes quando estou aqui. Acho isso muito louco, muito lindo, muito tudo.

    ResponderExcluir
  3. Anônimo8:58 AM

    Se tem um blog que não me deixa e mãos vazias, é este aqui. Muitas vezes saio não apenas com as mãos cheias, mas com o coração também bastante movimentado.
    Mas então está combinado: você fica daí e eu daqui, cada um sentindo o que tem que sentir. Gosto muito desse seu espaço.
    Abraço
    Ual

    ResponderExcluir
  4. Anônimo9:07 AM

    Fiquei sabendo da agressão agora. Espero que esteja tudo bem e que o tempo (e o que mais você acreditar) cuidem de cicatrizar o que foi machucado por dentro. Abraço
    Ual

    PS> Não está aparecendo lugar pra colocar meu nome.

    ResponderExcluir
  5. Anônimo10:21 AM

    Meu negrinho
    Ler as tuas impressões e dicas musicais (Tiga, Massive Attack) é algo obrigatório e sempre um prazer!!!!
    Fiquei passado com o ocorrido no onibus, que horror!!!! vc ta bem??? queria estar ai pra te mimar um pouco .... saiba que vc tem pessoas que te amam, mesmo a distancia.
    um beijao
    taz.

    ResponderExcluir
  6. Anônimo10:26 AM

    Vim, vi e gostei.

    Voltarei. ;)

    ResponderExcluir
  7. Eu estou sempre aqui, me deliciando com esse teu café delicioso e viciante. Ele é tão bom que eu degusto quietinha, silenciosa, economizando, querendo que ele nunca acabe, mas quando termino me sinto com o coração aquecido e confortável. Gosto de vir aqui, você sempre me acrescenta, seja musicalmente ou através de experiencias pessoais. E fico feliz quando vejo que pra você isso importa, a nossa presença aqui.
    Um gde beijo, e fica bem.

    ResponderExcluir
  8. Não sei se eu entendi muito bem, mas ainda bem que ainda não sabes ler pensamentos... eu acho... já que o teu controle sobre quem entra aqui é tanto.

    ResponderExcluir
  9. Anônimo10:17 PM

    Já que vc sabe quem entra no teu blog, não vou me identificar (hehehe)... gosto muito do que vc escreve, até quando está de mal humor. entro todo o dia, quero ver o que está acontecendo aí, contigo e é claro, pego dicas de música e filmes. sempre tem dica boa. concordo com o Marcelo, ainda bem que você AINDA não está lendo pensamentos. Agora vou entrar menos no teu blog, senão você vai achar que eu não tenho nada para fazer. Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  10. Olha tem cada uma....

    Glau, Ual, Taz, B.,

    Vcs são uns queridos mesmo!

    Marcelo,

    Tu tb és um querido. Mas não leva a mal o q eu escrevi, tu tb tens o site meter lá no teu blog, não falei nenhum absurdo.

    Não é controle, é informação. Controle seria determinar quem entra no blog ou não.

    João, não se faça de anônimo. Eu fico muito feliz de saber q tu entras do trabalho, de casa, depois do almoço, de noite, enfim...

    E mais feliz ainda fiquei de saber q tu tb estas escrevendo, total major Tom, na tua Space Oddity.

    Beijos e abraços pra todo mundo.

    ResponderExcluir
  11. Anônimo11:26 AM

    essa coisa toda de vc saber até o número do sapato de quem vem aqui assustou... hahaha. mesmo assim tive que vir comentar pela primeira vez, porque aí embaixo tem a música "The First Time Ever I Saw Your Face". e daí? daí que meu pai tá me pedindo pra baixar essa música há séculos, é daquelas que embalou o romance dele com a minha mãe quando eram jovens, sabe? super importante pra eles e tal... e eu não conseguia achar em lugar nenhum...

    só pra constar, esse seu blog é daqueles "vini, vidi, vicious"... hehe

    me extendi, mas era só pra dizer: obrigada!!!

    beijos,
    mari

    ResponderExcluir
  12. O "não entendi muito bem" era só pra saber se era direcionado para alguém em especial... Sei lá!

    O Taz e a Gláucia desistiram de ser meus amigos... hahaha!

    Eu nunca entro no site meter - alguém instalou aquilo lá. hahahah!Mistérios...

    ResponderExcluir
  13. Mari,

    De nada. Espero que seus pais gostem desta versão.
    Beijão!

    Marcelo,

    Não era pra ninguem em especial não, na verdade era só pra dizer que mesmo tendo estas ferramentas todas pra descrever quem entra no blog, nothing really matters, love is all we need.

    Mas o que o tacel e glaucia fizeram que te fez pensar isso???

    Mas, guri, o site meter é legal. Claro tem dias q ele diz q a passoa q entrou pelo link "tal" vem de estado: Sergipe cidade: Sao Paulo, mas tudo bem...

    ;-)

    ResponderExcluir
  14. Venho sempre...me faz bem!
    Bjo.

    ResponderExcluir
  15. Anônimo9:42 PM

    Entro muda...Saia calada, mas sempre com uma sensacao muito boa quando saio daqui..Voce eh especial, Alex...Safra rara de homens.
    Beijos daqui de Recife para voce

    ResponderExcluir
  16. "Eu sei quando todo mundo se constrange e não comenta." Essa me arrancou uma boa risada, dessas inesperadas... Mas as frases que vieram depois ativaram minha síndrome de perseguição: como assim vc sabe quem visita seu blog? de onde? quando? Espero sinceramente que vc seja um rapaz apenas muito intuitivo!

    ResponderExcluir
  17. Eu só venho de vez em quando, confesso.
    E sempre gosto muito.
    :o)

    ResponderExcluir