25.5.06

Orwell, Lispector, Deneuve & Piazolla

Tá bom, eu sei. Ando sumido. Mas estava me recuperando fisica e mentalmente do ocorrido narrado no último post.

Outro dia, sentado na frente do laptop, olhei para a minha jaqueta e só então percebi que ela também está manchada de sangue. Daí eu fiquei pensando na violência no Brasil, em São Paulo, nos bandidos que governam as cidades, estados brasileiros e não têm punição nenhuma, porque eles são o poder. E pensei também que aqui em Londres a violência não acontece pela sobrevivência, mas pelo ódio, pelo ressentimento social. E que no Brasil perdeu-se o controle e com os últimos acontecimentos descobrimos que sempre fomos refens, cada um na sua casa ou apartamento achando que é livre. E por essas e outras que eu reverencio George Orwell, taí um visonário no sentido mais exato da palavra. Nosso mundo está virando aquele de 1984 e somos todos massa, cega/surdo-muda.

E eu mudei tanto nos últimos anos. Mas tão pouco no que há de bom em mim. Porque a nossa eterna função de viver há de ser feroz, ainda que sejamos mansos (parafraseando Clarice Lispector) e a gente deve sempre estar pronto a ser melhor, a enxergar o erro e fazer direito. Não importa quantas tentativas sejam necessárias.

Eu queria que a Dra. Roberta Arabiane assistisse a Repulsa ao Sexo, de Polanski, porque eu preciso de alguém com vasto conhecimento do íntimo feminino e de psicologia, para um bate-boca prolongado a respeito do filme. Caterine Deneuve está linda, jovem e péssima atriz, mas isto é o que menos importa.

**

O último álbum de estúdio gravado por Astor Piazzolla chama-se As Cinco Sensações do Tango. Climático, sofisticado e tal e cousa... Recomendamos!






2 comentários:

  1. Tá dificil mas eu um dia consigo postar e comentar... ódeio essa brteleconhca! Estamos trocando hoje para a netvirtua. tomara que func-Ione. Beijocas de bomfim desemana!

    ResponderExcluir
  2. Adoro a Clarice! :)

    Mas bem, não li seu post anterior ainda para saber o que aconteceu, mas eu estou aqui em Sampa, indo para Londres, se Deus quiser. Quando morava na Bahia sempre ouvia más notícias de Sampa, e aqui estou eu. Depois teve aquela atentado em Londres e acho que passou pela minha cabeça se Londres realmente seria o próximo passo ou se não seria melhor "estar protegido" aqui ou ir para um outro lugar... Agora vem o PCC para dizer que qualquer lugar é tão seguro quanto é inseguro. Se correr o bicho pega? apenas em tempos diferentes!

    E mudar é sempre bom. A constante da minha vida! :) Acho que meus amigos me acham quase um x-man! Hahahahaha.

    ResponderExcluir