4.4.07

A melhor coisa que eu vi este ano (âpdeited)




Alanis Morissette andava muito chata mas com esta ela se redimiu. A mulher é atinada.

+Só um adendo: a razão pela qual eu adorei este vídeo passa longe do fato de ele ser uma paródia do original, simplesmente engraçadinho. Admiro, e muito, quem subverte o massivo e imbecil gosto popular e confere a ele um caráter relevante. Para mim, as cachorras como Fergie, do Black Eyed Peas, não têm graça nenhuma. Muito pelo contrário, elas são, assim como as nossas vocalistas de bunda music, um triste retrocesso na história da construção da identidade feminina na mídia. Gosto de acreditar, no entanto, que o BEP seja uma banda com senso de humor e que My Humps seja uma ironia incompreendida pelo grande público. Mesmo duvidando muito. O que Alanis Morissette fez foi despir a canção da batida infecciosa (e deliciosa, é verdade) original e trazê-la para o seu mundo. E no mundo de Alanis a letra é tão importante quanto a melodia. Daí você, com este arranjo, depara-se com uma letra cheia de imbecilidade e preconceito. E isso não graça nenhuma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário