21.2.08

Oscar Time - Longe Dela


Não parece um filme dirigido por uma jovem estreante, mas Longe Dela (Away From Her, 2007) é obra da atriz Sarah Polley (a queridinha de Isabel Coixet, de Minha Vida Sem Mim e A Vida Secreta das Palavras) que adaptou o conto de Alice Munro chamado The Bear Came Over the Mountain e transformou em um filme sensível com soluções simples porém eficazes para falar a respeito do Mal de Alzheimer através de duas perspectivas: a de quem sofre do mal e a de quem acompanha o doente.

Julie Christie (Fiona), que conheceu Polley durante as filmagens de A Vida Secreta..., faz por merecer sua indicação ao Oscar de melhor atriz em momentos de rara inspiração e prova que aos 66 anos uma mulher pode ser sexy e atraente. Bem, ela pode.

Senti falta de uma indicação mais do que justa para Gordon Pinset, o fiel e persistente marido de Fiona, cuja presença na tela cresce de forma impressionante do meio para o final do filme.

Longe Dela concorre nas categorias de Atriz e Roteiro Adaptado e tem chances genuínas de levar os dois prêmios. Mas é difícil prever qualquer categoria em que estejam concorrendo Sangue Negro e Onde os Fracos Não Têm Vez.

*Quem tiver interesse de ler o conto de Alice Munro, em inglês, pode fazê-lo aqui. O livro com o conto saiu no Brasil pela Editora Globo e chama-se Ódio Amizade Namoro Amor Casamento.

Um comentário:

  1. Má com acento mesmo9:47 AM

    Ai Alex, essas dicas estão cada dia masi completas, mais lindas e mais água na boca. TKS!

    ResponderExcluir