27.5.08

Cinemão


Filmezinho inteligente, com ação na medida certa e Kevin Spacey. Tá de bom tamanho, não?

Em Quebrando a Banca (21), o protagonista Ben (Jim Sturgess, de Across The Universe) é um brilhante aluno do M.I.T. prestes a entrar na faculdade de medicina de Harvard. Só lhe faltam 300 mil dólares para pagar pelo curso. Sorte sua que o professor Mickey Rosa (Kevin Spacey) o convida a participar de um "experimento" em que os alunos mais inteligentes da faculdade aprendem a contar as cartas do baralho para prever o resultado do Blackjack (o 21 do título) e assim ganhar muito dinheiro nos cassinos de Las Vegas. Faturam tanto que chamam a atenção do especialista em segurança Cole Williams (Laurence Fishburne), adepto de métodos pouco ortodoxos para certificar-se de que os jogadores mal-intencionados não voltem mais a seus cassinos. A resolução da trama lembra as engenhosas artimanhas de Danny Ocean na trilogia de Steven Soderbergh. Diversão sem compromisso.



Já Indiana Jones e e o Reino da Caveira de Cristal traz todos os exageros, despautérios e piadinhas infames do herói meio ninja, meio jedi da série de Steven Spienberg e George Lucas. A diversão fica por conta de Cate Blanchet, perfeita no papel da vilã paranormal Irina Spalko e o jovem Shia LeBeouf, com um quê de Marlon Brando em O Selvagem (1954). Igual aos outros filmes da série.

3 comentários:

  1. Putz! quero muito ver esse filme.. Quebrando a banca, vi o trailler diversas vezes em outros filmes
    Parece muito bom.

    ResponderExcluir
  2. Quebrando a banca é Fantástico. Indiana Jones torna-se mais interessante quando vc associa a uam homenagem aos filmes de ficção científica da década de 50....Porém, eu esperava mais...

    ResponderExcluir
  3. Eu vi o Indiana. Pra quem passou pelo trauma de ver Speed Racer na semana anterior, pareceu uma obra prima. Achei engraçadinho.

    ResponderExcluir